Por que meus dentes são manchados?

Aquele cafezinho depois do almoço ou no meio da tarde é uma delícia, mas também um dos responsáveis por manchar nossos dentes. (foto: Pixabay)

Por Roberto Terini*

Os dentes são nosso cartão de visita, merecem toda a atenção e interferem na nossa imagem e autoestima. Dentes manchados trazem um incômodo estético muito grande.

As principais causas das manchas, principalmente quando associadas a uma má higiene bucal, são:

– Envelhecimento do esmalte, que fica mais fino com o tempo e deixa a dentina, camada mais amarelada, à mostra.

– Fluorose: Alteração de cor no período de formação dos dentes, por ingestão de flúor em excesso. Pode aparecer como manchas ou linhas brancas ou marrons.

– Tetraciclina: o uso desse antibiótico por muito tempo pode acarretar manchas nos primeiros dentes da criança, quando ingerido pela gestante, e também nos permanentes, quando ingerido pela própria criança.

– Uso de sulfato ferroso ou de um cariostático podem deixar manchas escuras nos dentes.

– Cigarro, que libera nicotina e provoca manchas e amarelamento dos dentes. Muitos fumantes têm o hábito de fumar e tomar um cafezinho logo após. Isso só piora o manchamento, além de aumentar a incidência de placa bacteriana, tártaro e gengivite.

– Alimentos com corante: sucos, chás, vinho, refrigerantes coloridos, café, doces com corantes.

– Trauma dental, levando ao escurecimento do dente por extravasar sangue para a dentina.

– Restaurações de amálgama, que com o tempo pigmentam os dentes, deixando-os mais escuros.

Algumas manchas ou pontos pretos nos dão a idéia de que há cárie no local. Podem ser somente manchas, principalmente nos sulcos dos dentes posteriores. Na dúvida, procure seu dentista para orientação.

Como tratamento, primeiramente deve-se fazer uma raspagem e profilaxia no consultório, que removem tártaro e algumas manchas superficiais. A limpeza diária com fio dental e escovação após as refeições é essencial.

Para pessoas com dentes íntegros e poucas restaurações, pode-se fazer o clareamento, sendo determinado pelo dentista a técnica necessária para cada caso. O clareamento só é efetivo para o tecido dental, não havendo alteração nas restaurações e próteses.

Outra alternativa são as restaurações em resina composta, as coroas estéticas e as facetas de porcelana, dando uma coloração mais uniforme aos dentes antes manchados.

Como prevenção às manchas, deve-se evitar o cigarro, bochechar com água logo após a ingestão de bebidas ácidas, refrigerantes, vinho e outros alimentos coloridos. Usar canudos para ingerir sucos, chás e refrigerantes para ter um menor contato da bebida com os dentes. Essas bebidas devem ser tomadas durante as refeições, reduzindo seu consumo, evitando-se consumí-las durante o dia todo. Alimentos ricos em fibras, como maçã, pera, cenoura, geram um aumento do fluxo salivar e contribuem para a higiene bucal.

Se você não gosta da cor dos seus dentes, procure seu dentista. Ele saberá orientá-lo sobre a melhor forma de devolver a estética satisfatória do seu sorriso.

*Roberto Terini é dentista